Mocha Brownie, ou brownie com muito café!

Mocha brownie, ou brownie feito com muuito café! Ele é docinho, com bastante chocolate, mas com o gosto do café sempre presente.
mocha brownie

Mocha é, na verdade, um tipo de grão de café com sabor achocolatado. Ele recebe esse nome por conta da região de onde é exportado. Em alguns locais Mocha pode ser tanto café feito com esse grão, quanto café feito com chocolate. Mas também pode ser um tipo de bebida, que mistura café, leite e chocolate em pó, ou calda de chocolate ou ele puro mesmo. Essa bebida também pode levar o nome de Mochaccino; e sua diferença para o cappuccino é que o primeiro leva  creme batido no lugar da espuma de leite do segundo.

E o que tudo isso tem a ver com esses brownies? É que em inglês acabou-se criando um neologismo para quando uma receita mistura chocolate e café: mocha! Assim um bolo de chocolate com café pode ser chamado de mocha cake (que nome horrendo). E o brownie com café na massa, e no glacê, acaba virando mocha brownie. Pra variar eu tive uma grande dificuldade em traduzir tudo isso num nome, então preferi manter o original e contar a historinha toda.
mocha brownie

Agora a receita! Não mudei quase nada…

+  Pra variar, o cacau virou chocolate 50%, mas tem as duas opções na receita abaixo pra todo mundo poder fazer.
+ O café pode ser espresso ou coado, mas só use o coado se for bem forte. Senão o sabor não aparece.
+ O açúcar mascavo pode ser trocado pelo branco; mas evite fazer isso. Se vai trocar porque não tem em casa, ok. Mas se vai trocar porque não gosta do sabor do mascavo, esqueça. O sabor dele não aparece na receita e ele contribui pra umidade do brownie.
+ Aliás, falando em umidade. A textura é bem úmida e densa. Quem prefere um brownie mais sequinho, tipo bolo, pode deixar mais uns 5min no forno.
+ E não pule o glacê! Ele é mega simples e faz a diferença!

Mocha Brownie – original aqui

1/4 xícara de açúcar branco *
1/4 xícara de açúcar mascavo
40g de manteiga sem sal
2 colheres sopa de café forte – ou espresso
1/2 xícara de chocolate em pó 50% *
1 colher chá de café instantâneo
2 ovos
1/2 colher chá de baunilha
1/2 xícara de farinha de trigo

*se for usar cacau troque para: 4 colheres sopa de cacau e 1/2 xícara de açúcar branco (cristal ou refinado, tanto faz)

Leve a manteiga e os açúcares ao fogo médio até começar a borbulhar. Vai separar e ficar muito feio, parecendo que deu errado, mas vai dar certo no final. Mexa um pouco pra esfriar e junte os cafés e a baunilha, misturando bem. Junte os ovos, um a um, e o chocolate e misture bem, novamente. Por fim acrescente a farinha e misture apenas até incorporar. Transfira para uma forma de 11x11cm, untada, e leve ao forno aquecido a 200C por 30min. Tire da forma e deixe esfriar um pouco.

Se não tiver uma forma tão pequena veja no vídeo como eu fiz pra resolver isso.

Glacê de café

1/2 xícara de açúcar de confeiteiro
cerca de 1 colher sopa de café

Misture os dois até obter uma consistência que te agrade e cubra o brownie. Complete com alguns granulados.

——————————
Em 2014: Abobrinha Recheada

Salvar

Salvar

Salvar

Salvar

Salvar

Pão de Ló de chocolate, pra anotar no caderninho!

Pão de ló de chocolate é daquelas receitas basiconas e mega versáteis que é sempre bom ter na manga.
pão de ló de chocolate

É a mesma receita de pão de ló normal (ovos, farinha e açúcar) só que com cacau adicionado. E aí começar a maior mudança que eu fiz na receita original: eu usei chocolate em pó no lugar do cacau. E aproveito pra explicar um pouco melhor essas diferenças.

Cacau em pó é cacau puro, alcalinizado ou não. Mas ainda assim é cacau sem nada adicionado. Chocolate em pó pode variar um pouco mais. Existem chocolates em pó que levam leite em pó na mistura e chocolates que são apenas cacau e açúcar. Independente do que vai junto do cacau, a porcentagem inscrita na embalagem vai ser a quantidade de cacau da mistura.

Achocolatados como Nescau e Toddy são outra coisa, e tem uma lista de ingredientes enorme. Evite se puder.
Pão de ló de chocolate

O chocolate que eu uso é o chocolate em pó 50% da Melken, que leva apenas cacau e açúcar na mistura. Isso quer dizer que quando eu pego uma xícara desse chocolate eu tô, na verdade, pegando meia xícara de cacau em pó e meia xícara de açúcar; já misturados. Eu uso esse chocolate porque aqui na cidade as embalagens de cacau puro são de apenas 200g, e esse eu compro o pacote de 1kg. Muito mais prático (e barato) e sem comprometer a qualidade das receitas. Só que aí preciso fazer equivalências em receitas que pedem apenas cacau. Eu considero o açúcar que vem misturado no chocolate e reduzo essa medida da quantidade pedida de açúcar.

Na receita abaixo dá pra ver que coloquei as medidas do chocolate 50% (4 colheres = 2 colheres de açúcar + 2 colheres de cacau), e uma nota com as medidas pra quem for usar cacau puro.

Além dessa mudança a única outra foi passar as medidas para xícaras e colheres, pra facilitar pra todo mundo. E não precisou mais nada. O resultado foi esse pão de ló de chocolate alto, e extremamente leve! E isso é ótimo pra quem quer confeitar bolos, já que ele não vai pesar em cima do recheio.

E se quiser fazer bolos maiores no AsEasyAsApplePie tem as proporções pra cada tamanho de forma; daí é só calcular a quantidade dos demais ingredientes baseado no número de ovos:

15cm – 3 ovos
22cm – 5 ovos
24cm – 6 ovos
26cm – 7 ovos

Pão de Ló de chocolate  – original aqui

3 ovos
1/2 xícara de açúcar refinado*
1/2 xícara + 1 colher chá de farinha de trigo
4 colheres sopa de chocolate em pó 50%*

*Se for usar cacau em pó puro mude para 3/4 xícara de açúcar e 2 colheres sopa de cacau

Bata os ovos com o açúcar até formar um creme mais firme, quase como claras em neve. Peneire o chocolate sobre os ovos e misture delicadamente, com um fouet ou uma espátula, até ele ser todo incorporado. Repita o procedimento com a farinha. Transfira para uma forma de 15cm, untada, e não nivele a massa, nem bata a forma. Leve ao forno aquecido a 200° por cerca de 30min, até assar completamente. Desligue o forno e espere 10min. Só então tire o bolo do forno e deixe esfriar antes de desenformar.

Sabia que pão de ló vira biscoito champanhe? Aqui tem tudo explicado!

Salvar

Salvar

Salvar

Salvar

Salvar

Salvar

Chocolate quente espumante e caramelado

Chocolate quente espumante, e calma, não tem álcool nessa bebida! A menos que você queira transformar num choconhaque, aí fica por sua conta, mas eu garanto que vai ficar bom.
chocolate quente espumante

A parte espumante fica por conta do bicarbonato de sódio e não, ele não deixa nenhum sabor residual. O grande truque? Misturar tudo ainda no fogo, assim o calor ativa o bicarbonato e surge o espumante do chocolate quente espumante (nomes óbvios, a gnt ama).

Quer mais coisas especiais nesse chocolate? O açúcar vira caramelo! Você pode fazer normalmente só misturando o açúcar no leite? Pode. Mas se dê ao trabalho de caramelar o açúcar primeiro; não dá tanto trabalho assim, e fica um sabor de fundo bem mais rico e reconfortante!

Por último fica a dica de sempre: customize a receita conforme o seu gosto! Detesta  canela? Já deixei ela opcional na receita.  Gosta de chocolate com café? Uma colherinha de café instantâneo fica uma delícia! Noz moscada, raspas de laranja, pimenta, cardamomo, existem vários temperos que você pode usar nessa base pra deixa-la com a sua cara!

Chocolate Quente Espumante

4 colheres sopa de chocolate em pó 50%*
8 colheres sopa de açúcar
500ml de leite
2 colheres chá de amido de milho
1/4 colher chá de sal
1/4 colher chá de bicarbonato de sódio
1 pedaço de canela – opcional

*ou 2 colheres de cacau pra quem prefere menos doce

Em uma panela/leiteira alta leve o açúcar ao fogo médio até que caramelize. O grau de dourado vai do seu gosto, mas quanto menos dourar o açúcar menos você vai sentir o gosto do caramelado. Ao mesmo tempo coloque o leite pra aquecer; isso vai diminuir tanto o endurecimento do caramelo, quanto a possibilidade de açúcar quente borbulhando…
Açúcar dourado, acrescente o leite e em seguida os demais ingredientes. Aumente o fogo e mexa de vez em quando até dissolver tudo. Quando o chocolate quente começar a ferver ele vai espumar loucamente. Desligue o fogo e sirva em seguida.

Pra outras opções de mistura de chocolate quente, comece por aqui!

Salvar

Salvar

Salvar

Salvar

Bolo prestígio invertido, e 3 anos de Cozinha

Bolo prestígio invertido com bolo e cobertura de coco e recheio de brigadeiro! Tudo isso pra comemorar os 3 anos do Cozinha!!! Aêêêê!!
bolo prestígio invertido

Sério, 3 anos dia 20 de junho. Tudo começou com um bolo de chocolate com café (ai que vergonha desse link). E pra homenagear, o primeiro ano foi comemorado com esse mesmo bolo em vários andares recheados com doce de leite. Ano seguinte? Mudança total num bolo de baunilha e meu primeiro creme de manteiga que ficou gostoso. Continuando com as mudanças esse ano resolvi brincar com um dos meus bolos favoritos e pronto: bolo prestígio invertido!

A massa do bolo é a mesma desse aqui. Receita que já conheço e sei que dá certo, e ainda assim pisei na bola na hora de fazer. É que precisa bater a manteiga e o açúcar até formar um creme fofo. Mas é creme fofo mesmo. Se ficar preguiça igual eu o bolo fica quebradiço igual o meu. Daí é aquela luta na hora de confeitar. Então dispensa o fouet que eu usei e bota a batedeira pra funcionar!
bolo prestígio invertido

O recheio é o brigadeiro, favorito da vida, mas com um toque de creme de leite. Assim corta um pouco a doçura e ainda deixa o recheio mais leve. Mas nada de acrescentar o creme cru no final, hein. Cozinhando o creme junto do brigadeiro ele fica mais firme e muito mais saboroso. Pode ser o creme de caixinha mesmo, ou o de lata com o soro misturado nele.

A cobertura foi um improviso. Queria uma cobertura clara, então chocolate branco, e tinha sobrado leite de coco da massa do bolo. Pronto, né? A textura fica completamente diferente antes de secar, mas no final dá tudo certo. E o leite de coco corta a doçura excessiva do chocolate branco, contribuindo mais ainda para um bolo equilibrado.

E ainda tem uma dica: vai guardar o bolo na geladeira? Cobre ele! O coco resseca muito fácil e não queremos isso. Na falta de uma tampa bonitona até lata de biscoito vale. Agora vai lá me ver confeitando meu primeiro bolo diante de câmeras. A mão até tremia pra não errar muito…rs

Bolo Prestígio Invertido

Bolo:
75g de manteiga
3/4 xícara de açúcar refinado
2 ovos
3/4 xícara de farinha de trigo
1/2 xícara de coco ralado
1/4 colher chá de sal
1 1/4 colher chá de fermento em pó
1/2 xícara de leite de coco

Bata a manteiga e o açúcar até formar um creme fofo*. Batendo a cada adição acrescente os ovos, o coco, o sal e o fermento, o leite de coco e por fim a farinha. Divida a massa em 3 formas de +-13c. Leve ao forno aquecido a 200° até que assem por completo. Não precisa dourar a massa. Deixe esfriar antes de montar.

*O creme fofo faz mesmo a diferença. Eu fiquei com preguiça e o resultado foi uma massa quebradiça.

Brigadeiro:
1 lata de leite condensado
1/2 xícara de creme de leite
1 pitada de sal
25g de manteiga
4 colheres sopa chocolate em pó

Leve todos os ingredientes ao fogo médio e mexa até atingir ponto de brigadeiro. Transfira para uma vasilha e cubra com filme plástico até esfriar. Não precisa gelar.

Cobertura:
200g de chocolate branco
50ml de leite de coco
coco ralado

Derreta o chocolate e misture com o leite de coco até ficar homogêneo. Guarde o coco para enfeitar.

Montagem:
Faça uma calda simples com 1/2 xícara de água e 1/2 xícara de açúcar, levando ao fogo apenas até o açúcar derreter. Deixe esfriar antes de usar.

Monte na ordem: um bolo, calda simples, metade do brigadeiro; outro bolo, mais calda, outra metade do brigadeiro; último bolo. Eu gosto de colocar os dois último de cabeça pra baixo pra ficar mais reto. Você pode voltar o bolo montado para a forma usada para assar, ou enrolar em um pedaço de acetato, como eu fiz. Leve ao congelador por 20min, ou para a geladeira por 1h.

Acerte o bolo pra deixa-lo mais retinho, e cubra com a ganache de coco. Reserve uma pequena parte (menos de 1/3) da ganache para acertos finais. Volte o bolo para o congelador por mais 20min. Depois acerte com o restante da ganache para deixa-lo o mais liso que conseguir e cubra com o coco ralado.

Experimentou essa receita? Não esquece de postar uma foto e marcar a gente  (#cozinharoman) pra eu poder ver o SEU bolo prestígio invertido!

Salvar

Salvar

Salvar

Salvar

Salvar

Bala de brigadeiro, pra inovar na festinha

Bala de brigadeiro é um nome meio que bem descritivo né? É uma bala com recheio de brigadeiro. E sim, é tão gostoso quando soa.
bala de brigadeiro

Tudo começou com o aniversário de 3 anos do Cozinha chegando e eu tentando bolar quais receitas iriam ao ar nessa semana. Bolo definido a ideia era ou uma sobremesa bem especial ou um docinho pra continuar o clima de festa. E aí essa bala de brigadeiro apareceu nas pesquisas.

Pra quem ficou com vontade de bolo, quarta-feira ele entra já tá no ar!

Sério, bala de brigadeiro, preciso falar mais alguma coisa pra te convencer que é uma ótima ideia? Já que não, vamos pular direto para todos os pulos do gato dessa receita. Sim, ela tem alguns.

Açúcar em ponto de bala não é a coisa mais fácil do mundo de se trabalhar, então meu primeiro conselho é: tenha um termômetro. Dá pra achar o ponto sem ele? Dá, e nossas bisas fizeram isso por décadas. Mas tem certas ferramentas que facilitam horrores e valem o investimento (que nem precisa ser tão alto). Então, se você pode se dar esse presente, vai nessa. Senão, faça calda a mais e vá testando no copo com água até ter certeza. Vale desligar o fogo, acrescentar mais água, vai trabalhando a calda com calma.

Ainda nela, um ponto mais mole resulta numa bala mais puxa, e um ponto mais firme em uma bala mais cristalizada. Ambas são deliciosas, mas tem gente que não gosta de açúcar grudado no dente (eu amo), então é bom saber suas opções. E ainda falando em pontos, não apertar muito o do brigadeiro facilita na hora de comer mas não na hora de fazer. Brigadeiro puxa com bala puxa, já viu o desastre? Então não aperte muito o doce, mas gele ele bem pra não ficar molenga na hora de banhar na calda.
bala de brigadeiro

Uma última dica? Cuidado com a forminha, algumas podem grudar na calda de açúcar. Se não tiver certeza se a sua gruda ou não é só untar um pouquinho o fundo de cada uma com manteiga ou óleo. Ou não usar forminha né?

Bala de brigadeiro – original aqui

1 lata de leite condensado
25g de manteiga sem sal
3 colheres sopa de chocolate em pó*
1 xícara de açúcar
1/2 xícara de água

* Vale trocar por 2 colheres de cacau, mas não vale trocar por achocolatado porque é muito doce.

Faça um brigadeiro comum com o leite condensado, a manteiga e o chocolate. Aperte o ponto apenas o suficiente para enrolar os docinhos. Transfira o brigadeiro para um prato, cubra com filme plástico, e deixe esfriar.
Enrole os docinhos e tente não faze-los tão grandes quanto eu fiz. O tamanho ideal é o de uma bocada, que é pra não ter que morder a bala.

Quando for banhar cada docinho o ideal é que eles estejam gelados. Pra isso eu fui enrolando e deixando em uma bandeja untada que depois levei por uns minutos pro congelador. Docinhos enrolados e gelados, hora de fazer a calda.

Leve o açúcar e a água ao fogo alto, misture apenas ligeiramente e deixe cozinhar até atingir o ponto de bala dura. Pra quem não tem termômetro o ponto é quando você derrama uma gota de calda em um copo de água e a calda fica dura imediatamente. Tipo bala vitrificada. Pra quem tem termômetro é entre 121° e 128°.

Atenção: com a calda a 121° o resultado final é uma bala mais macia e bem puxa; a 128° vitrifica totalmente e a casquinha fica bem crocante, podendo até ficar meio opaca. Escolha o seu ponto.

Banhe os brigadeiros na calda e deixe secar em um papel manteiga untado. Pra banhar, eu achei mais fácil usar dois garfos, que troquei pelo menos umas 3 vezes, porque eles sujam bem rápido. Palitos de churrasco ou garfos próprios também podem funcionar, veja o que é melhor pra você. Balas secas é só transferir para forminhas e servir!

vale untar as forminhas caso você não tenha certeza se elas vão grudar ou não, algumas minhas grudaram!!

——————————-
Em 2016: Suco verde de manga

Salvar

Salvar

Salvar

Salvar

Salvar

Bolo de banana, chocolate e nozes

Bolo de banana, chocolate e nozes, essa é daquelas combinações que são a cara do inverno!
bolo de banana, chocolate e nozes

Eu adoro um bolo de banana, seja com ela por cima, fatiada e caramelada, seja com ela na massa. E uma das coisas boas de usar bananas pra fazer bolo é que esse tipo de massa acaba pedindo menos açúcar. A de hoje por exemplo usa o dobro de farinha que de açúcar e ainda assim resulta num bolo bem docinho! Fora que é um jeito delicioso de embutir frutas na rotina alimentar, principalmente em dias frios!

Pra quem quiser bolo de banana beeem parecido com bananinha tem aqui ó.

Já pensando na combinação banana, chocolate e nozes fui atrás de uma receita fácil e encontrei essa do TorradaTorrada que, além de parecer gostosa é vegana! Eu usei leite normal na minha, então não, meu bolo não é vegano. Mas é só trocar pelo leite vegetal da sua preferência e pronto! E também vale pra quem tem problema com gosto de ovo em bolo já que esse não leva ovos na receita. Além da troca pelo leite comum as outras alterações que fiz foram a forma e as riquezas. No lugar de muffins fiz um bolo inglês mesmo e achei que funcionou bem. E as castanhas de caju da original eu troquei pelas nozes e o chocolate.

Se quiser um bolo de banana, chocolate e nozes (especificamente) vegano, é só prestar atenção na hora de comprar, porque existem sim opções veganas.

Você pode mudar a combinação e trocar as nozes por avelãs? Pode, e por outras castanhas também. Pode tirar as nozes e colocar dois tipos de chocolate? Pode e vê se me chama pra eu provar! Pode até fazer um bolo simples sem nada adicionado que vai ficar gostoso!
bolo de banana, chocolate e nozes

Bolo de banana, chocolate e nozes – original aqui

2 xícaras de farinha de trigo
3/4 colher chá de fermento em pó
3/4 colher chá de bicarbonato de sódio
3/4 colher chá de sal
1/4 colher chá de canela – opcional
1 xícara de leite
1/4 xícara de açúcar mascavo
3/4 xícara de açúcar cristal
3/4 xícara de banana amassada – cerca de 3 bananas médias
1/2 xícara de óleo
1 colher chá de vinagre
1/2 xícara de nozes picadas
1/2 xícara de chocolate meio amargo em gotas ou picado

Junte as nozes e o chocolate e misture com umas 2 colheres de farinha.
Misture o restante da farinha com os outros ingredientes secos, menos os açúcares e reserve.
Em uma terceira tigela junte a banana, os açúcares, o vinagre e o óleo e misture bem. Junte então todas as misturas e misture apenas o suficiente para ficar homogêneo. Transfira para uma forma untada, e leve ao forno, aquecido a 200C, ate que doure.

Se quiser deixar mais bonito separe um pouco das nozes e o chocolate para colocar por cima da massa logo antes de levar ao forno.

Salvar

Salvar

Salvar

Tortinhas de chocolate com doce de leite

Tortinhas de chocolate com doce de leite e um granulado por cima pra completar! E é bem mais fácil de fazer do que parece….
tortinhas de chocolate com doce de leite

A ideia era só fazer um biscoitinho de chocolate pra deixar dando bobeira na lata ali na mesa da cozinha… Daí lembrei da massa sablé, que pode ser base de torta mas que vira um biscoito ótimo, e resolvi adaptar a receita. E fiquei com torta na cabeça… O resultado acabou sendo uma massa sablé de chocolate que vira sim um biscoito simples ótimo, mas que também é base de torta. Pra deixar fofo: tortinhas, feitas em forminha de empada. E pra deixar mais fofo ainda: em forma de flor!

Tá com toda a animação pra cortar a massa em formato de flor, transferir pra forminha, assar e rechear? Ótimo! A receita tá ali embaixo, rende cerca de 30 tortinhas e fica linda enfeitando a mesa. Tá com preguiça de fazer isso tudo, mas ainda assim quer especificamente tortinhas de chocolate com doce de leite? Pegue pequenas porções da massa e forre cada forminha e asse, o resultado serão tortinhas mais simples mas ainda assim gostosas e bonitas. Tá com muita preguiça mas quer um belisquete? Enrole a massa num cilindro e congele, fatie e asse. O resultado serão biscoitos de chocolate simples e gostosos!
tortinhas de chocolate com doce de leite

E como sempre: o recheio de doce de leite é só uma opção! Vale brigadeiro, docinhos em geral, nutella, creme de confeiteiro, geleia, mousse…. Vamos combinar que chocolate combina com praticamente qualquer recheio né?

Massa Sablé de chocolate

3/4 xícara de farinha de trigo
1/4 xícara de chocolate em pó 50% *
1/4 xícara de açúcar refinado *
1 gema
75g de manteiga pommade
1/2 colher chá de café instantâneo – opcional

* Se for usar cacau no lugar do chocolate mude as medidas para 2 colheres sopa de cacau e 6 colheres sopa de açúcar

Bata a manteiga com o açúcar até formar um creme claro. Adicione a gema e o café e bata novamente até ficar homogêneo. Adicione o chocolate e a farinha e vá amassando até formar uma massa lisa e coesa. Não sove, apenas amasse. Enrole em filme plástico e deixe na geladeira por 4h ou no congelador por 1h mais ou menos.

Para biscoitos comuns: Em uma superfície enfarinhada abra a massa, com um rolo, e corte os biscoitos como quiser. Transfira para uma assadeira e leve para o congelador por mais 30min, ou geladeira por mais 2h. Asse em forno aquecido a 200C por cerca de 15minutos, até que o fundo doure. Espere esfriar antes de retirar a assadeira.

tortinhas de chocolate com doce de leite

Tortinhas de chocolate com doce de leite

Massa sablé de chocolate
doce de leite cremoso
creme de leite – fresco ou sem soro
confeitos a escolha
forminhas de empada
cortador de flor pouco maior que a forminha escolhida

Corte os biscoitos em forma de flor e coloque cada um em uma forminha de empada. Asse normalmente e deixe esfriar completamente antes de retirar das forminhas. Misture o doce de leite com o creme de leite aos poucos. Vá provando o sabor e a textura até gostar do resultado. Se estiver usando o creme fresco cuidado na hora de misturar para não bater demais e virar manteiga. Recheie os biscoitos que forem ser consumidos na hora e finalize com o confeito. Se for guardar deixe pra rechear na hora que for comer, ou a massa perde a crocância.

Animou horrores e quer até fazer o próprio doce de leite? Tem receita aqui!

Salvar

Salvar

Salvar

Torta cremosa de chocolate com café

Torta cremosa de chocolate com café, e essa é pra quem realmente gosta de café!
torta cremosa de chocolate com café

Explico: muitas vezes uma receita de chocolate tem café nos ingredientes, e as vezes no nome, mas a quantidade é bem pequena. E então o sabor do café costuma ser bem suave ou inexistente.
Nesse caso o café serve para realçar o sabor do chocolate…

Nenhum desses é o caso dessa torta! Ela realmente segue o nome: torta cremosa de chocolate com café. Com Café! Sabor de café. Tô explicando bem porque se você estiver esperando uma torta docinha e suave vai rolar uma decepção. Essa é uma torta doce sim, mas de sabor forte, tanto na massa quanto no creme do recheio! Aliás, o cremosa do título também vale viu. O recheio é um creme de textura mega leve, que se mistura com o creme batido da cobertura e deixa tudo mais suave. Ótimo contraste de textura e sabor!
torta cremosa de chocolate com café

Convenci que a torta é uma delícia e vale a pena? Então vamos as mudanças que fiz na receita original:

A massa não teve grandes alterações. No lugar de usar gelo pra gelar a água eu usei água já gelada. Me pareceu uma atitude mais prática né?
Já o creme eu deixei mais suave do que o original, reduzindo um pouco o chocolate em pó. Eu também não usei a manteiga pedida porque usei leite gordo, mas isso tá explicado na receita abaixo. A maior mudança na verdade é que a torta só precisou de metade da quantidade de creme, e essas medidas já estão ajustadas ali embaixo.

Ou você pode dobrar a quantidade de creme, rechear a torta e dividir o restante em potinhos. Vira uma ótima sobremesa também…

Por ultimo, a calda! Eu usei uma calda que já tinha na geladeira. A original usa uma espécie de ganache. Mas vale usar até calda de sorvete se quiser. Ou raspas de chocolate no lugar da calda. Ela é uma decoração e isso varia de pessoa pra pessoa. 😉
torta cremosa de chocolate com café

Torta cremosa de chocolate com café – original aqui

Massa
1 xícara de farinha de trigo
1/2 xícara de chocolate em pó
1 colher chá de café instantâneo
1 colher chá de sal
100g de manteiga sem sal em cubinhos
1/4 xícara de água gelada
1 colher sopa de vinagre
1 clara

Misture os ingredientes secos em uma vasilha. Junte a manteiga e misture com as pontas dos dedos, sem destruir completamente os pedacinho de manteiga.

(sabe o gesto e contar dinheiro? É mais ou menos assim)

Misture a água com o vinagre e vá adicionando, bem aos poucos, a mistura anterior. Provavelmente não será necessário usar toda a água, pare quando conseguir uma massa coesa. Cubra com filme plástico e deixe gelando por cerca de 1 hora.
Abra a massa e cubra o fundo e as laterais de uma forma de cerca de 20cm. Fure toda a massa com um garfo e leve ao congelador por pelo menos 10min.

(se quiser congelar, embale a massa já na forma e deixe no congelador por até 3 meses)

Com a massa já congelada cubra com papel manteiga ou alumínio e coloque pesos por cima. Leve ao forno aquecido a 200C por 20min. Retire do forno, descubra a massa, pincele com a clara e volte ao forno por mais 10min; ou até ficar crocante.

Recheio
1/4 xícara de açúcar mascavo
1/2 xícara + 2 colheres sopa de chocolate em pó
3 colheres sopa de amido de milho
1/2 colher sopa de café instantâneo
1/4 colher chá de sal
1 1/2 xícaras de leite
50g de chocolate meio amargo
1/2 colher sopa de manteiga*
1/2 colher sopa de baunilha

*Eu usei leite gordo (de fazenda e cheio de nata) então cortei a manteiga. Se usar leite de caixinha mantenha a manteiga

Misture o açúcar, o chocolate em pó, o amido, o café, o sal e o leite. Misture bem e leve ao fogo médio; mexa constantemente até cozinha, formando um mingau. Tire do fogo e adicione os demais ingredientes e misture bem até derreter. Transfira para uma vasilha, cubra com filme plástico, encostando no creme, e deixe gelar.

Cobertura
3/4 xícara de creme fresco
1 colher chá de baunilha
2 colheres sopa de açúcar de confeiteiro

Bata tudo junto até formar picos suaves. Faça isso logo antes de montar a torta.

Montagem

Com todas as partes já frias, recheie a torta com o creme e cubra com o creme batido. Finalize com sua calda favorita lembrando que caldas mais líquidas vão “derreter” o creme batido. Sirva em seguida!

—————————————
Em 2015: Biscoitinhos crocantes

Salvar

Salvar

Salvar

Salvar

Cookies de chocolate recheados com caramelo

Cookies de chocolate recheados com caramelos!!! Ou com doce de leite ninho… Ou o que você quiser!
cookies de chocolate recheados

A verdade é que dá pra fazer qualquer cookie recheado com qualquer coisa! A receita de hoje é uma sugestão apenas: uma massa fofinha de chocolate, mais meio amarga do que doce, recheada com balas de caramelo.

Vou confessar que essa receita foi só uma desculpa pra comprar mais um pacote de caramelos aqui pra casa…
cookies de chocolate recheados
E aí também tinha um pouco de doce de leite ninho dando sopa na geladeira… E por que não experimentar um recheio diferente não é mesmo? Enrolei mini docinhos, congelei e recheie metade dos cookies com eles. E deu tudo certo! O que me leva de volta pra minha teoria: use a massa e o recheio que você quiser!

Vale massa simples recheada com Nutella, cookie de limão recheado com beijinho, cookie de chocolate recheado com brigadeiro… Aliás, a versão original tinha gotas de chocolate na massa. Eu achei que seria exagerado (será?) e não coloquei, mas fique a vontade pra acrescentar algumas!

Cookies de chocolate recheados – original aqui

100g de manteiga sem sal pommade
1/4 xícara de açúcar mascavo
1 ovo
1 colher chá de essência de baunilha
1 xícara de farinha de trigo
1/2 xícara de chocolate em pó
1 colher chá de bicarbonato de sódio
1/2 colher chá de sal
1 colher chá de amido de milho
caramelos*

*para mais detalhes sobre recheio confira o texto ali em cima

amasse a manteiga com o açúcar até ficar uma pasta homogênea. Acrescente o ovo e a baunilha e misture novamente.
Adicione os ingredientes secos aos poucos e vá amassando até formar uma massa coesa. Cubra com filme plástico e leve para gelar por 3h. Divida a massa em cerca de 18 partes e boleie os biscoitos recheando cada um com um caramelo (ou meio, ou o recheio escolhido). Deixe essas bolinhas, já na assadeira, gelando mais uns 20min e então leve para o forno. Que já está aquecendo a 200C. Deve demorar cerca de 15minutos pros biscoitos ficarem prontos. Eles ainda estarão molinhos, mas dá pra saber levantando um com uma espátula e verificando o fundo: essa parte já deve estar mais seca.
Deixe os biscoitos esfriarem antes de retirar da assadeira (pra não quebrarem como aconteceu comigo) e dps de completamente frios guarde em uma lata.

PS: os recheados com caramelo ficam bem mais gostoso ainda quentes, pro caramelo ficar molinho.

Salvar

Salvar

Salvar

Tootsie rolls, ou balinhas meio caramelos muito loucas

Tootsie rolls, já ouviu falar? Essas balinhas são bem famosas e antigas nos Estados Unidos, e se você tiver muita curiosidade tem um artigo bem completo na Wikipedia (em inglês).
tootsie rolls

Pra propósitos de entender o que elas são basta imaginar um misto de caramelo com balas toffee com chocolate. É puxenta como um caramelo, mas não derrete como um. Tem o sabor de chocolate mas nada da textura. E parece ser mais dura do que é na verdade, como as balas toffee. Estranho e gostoso, ou seja, meu tipo de receita!!

Achei essa versão no Food52, o que me deixe meio confiante meio com pé atrás. As receitas deles costumam ser consistentes, mas volta e meia eu erro alguma coisa. Nesse caso acho que acertei a receita, mas a embalagem teve que ser totalmente alterada! A original deveria ser espalhada e então cortada em tiras, igual a versão industrializada, e só então enrolada em papel vegetal.

Sóóó que não rola no clima daqui. A massa fica muito mole pra cortar e enrolar dessa forma, e o resultado é um rolinho torto e feioso de dar dó. Então enrolei a massa toda e cobri com papel vegetal e deixei gelar. Fica bem mais fácil, do tipo quanto mais gelada mais fácil. Depois de fatiadas as moedas foram enroladas em papel manteiga untado. Se você tiver acesso a papel encerado talvez não precise untar, senão unte. Mesmo.

Eu mantive as minhas, já embrulhadas, em uma tigelinha na geladeira. Descobri que gosto muito mais delas geladas do que em temperatura ambiente. Teste com as suas e veja o que lhe cai melhor.
tootsie rolls

Tootsie Rolls – original aqui

1/2 xícara de mel
1/2 xícara de chocolate em pó
1 colher chá de baunilha
1 colher sopa de manteiga sem sal
1 pitada de sal
cerca de 1 xícara de leite em pó

Derreta a manteiga e misture com todos os ingredientes, exceto o leite em pó. Quando estiver homogêneo comece a acrescentar o leite em pó, aos poucos. Vá amassando essa mistura e acrescentando o leite em pó até que esteja firme mas ainda um pouco pegajosa.
Deixe descansando, em uma vasilha untada, por cerca de 15 minutos. Então transfira para uma folha de papel manteiga untado. Faça um rolo de massa e enrole com o papel como se fosse um bombom. Deixe na geladeira por mais 30min e então fatie. Enrole cada fatia em um quadrado de papel manteiga untado e guarde na geladeira.

Salvar

Salvar

Salvar