Crumpets ingleses, umas panquecas muito loucas

Crumpets são um misto entre pãozinho e panqueca, típicos das terras britânicas, e com textura e sabores únicos! Prepara a frigideira e bora fazer um lanche diferente!

crumpets

Eu adoro uma desculpa pra fugir do pão francês de todo dia. Se for em forma de panqueca, melhor ainda! E quando vi esses crumpets fiquei muito curiosa: parecia uma mini panqueca inflada, além da conta… Quando fui ler a receita, a curiosidade só aumentou: panquecas feitas com fermento biológico?!?!

Então fui pesquisar, e achei muita coisa. Parece que em 1300 e lá vai bolinha já tinha referências a um tal krampouezh, termo meio celta para um bolo chato/fino. Embora tenha gente que fale que o nome vem de crumpled cake, ou seja bolo amassado. E parece mesmo que é um bolinho que alguém amassou, principalmente um tempo depois que sai da frigideira e começa a murchar…

Seja qual for a origem, hoje em dia eles são feitos, normalmente, com 8cm de diâmetro e 2 cm de altura. Essa precisão toda é alcançada graças ao molde usado na hora de fritar/grelhar os crumpets. Sabe aqueles anéis de alumínio para fritar ovo, ou fazer hambúrguer? Esse tipo de coisa. Eu tentei usar um desses mas achei ele muito grande; como não sabia se ia ficar gostoso, queria fazer umas porções pequenas.  Spoiler: ficou bom, use o molde se você tiver; vai ficar mais bonito e crescer melhor.

crumpets com manteiga

Eu acabei fazendo a mão livre. Meus crumpets não ficaram tão bonitos quanto poderiam, mas fica a dica de que dá pra fazer sem o molde. E já deixo outra dica: se quiser fazer pra comer na hora, deixe eles dourarem bem. Mas se quiser comer mais tarde, não deixe que eles cozinhem totalmente, muito menos dourem. Na hora que for comer apenas esquente na frigideira e ele ficaram no ponto na hora certa.

Um última coisa: eu dobrei o açúcar da receita original. Primeiro porque gosto de sabores doces. Segundo porque minha ideia, desde o início, era comer ainda quentinho com manteiga (fica ótimo). Mas o original é uma massa mais neutra que aceita bem geleias, xaropes, mel e outras coisas doces como cobertura. Se você prefere uma massa mais neutra pode reduzir a quantidade de açúcar da receita abaixo sem problema algum. Mas se não quiser mexer na receita, também não precisa se preocupar; o crumpets descritos abaixo não ficaram doces em excesso, e acabaram combinando com geleias também.

Crumpets – original aqui

1 xícara de farinha de trigo
1 colher sopa de fermento biológico seco
1 colher de chá de açúcar
175ml de leite morno
75ml de água morna
1/4 colher chá de bicarbonato de sódio
1/2 colher chá de sal

Em uma vasilha mistura o fermento com a farinha e o açúcar; adicione o leite e misture bem, até a massa ficar lisa. Cubra a vasilha e deixe descansando por cerca de 20min, até a massa estufar e começar a murchar.

Em outra vasilha misture a água com o bicarbonato e o sal, até dissolver tudo. Aos poucos, vá adicionando essa mistura a massa descansada. Talvez não precise usar tudo, mas eu precisei, o ponto é quanto a massa estiver parecendo mais um creme que uma massa. E ela começa a ficar elástica também. Cubra novamente e deixe descansar por mais 20min.

Aqueça uma frigideira, ou uma chapa, e faça as panquequinhas. O comum é usar um molde, tipo esses aros de fritar ovo. Ele ajuda o crumpet a ficar perfeitamente redondo e a subir mais também. Se for experimentar usar lembre de untar antes pois essa massa é bem grudenta. Se não tiver o molde apenas tente fazer um círculo com umas duas colheradas de massa. Espere a parte de baixo dourar, e a de cima ter bolhas, de formando antes de virar. Isso deve demorar cerca de 4-5minutos para cada lado. Depois que os dois lados estiverem dourados retire da frigideira e sirva.

————————
Em 2015: Torta de frutas vermelhas e Negresco
Em 2016: Drink de limoncello

2 comentários sobre “Crumpets ingleses, umas panquecas muito loucas”

Deixe uma resposta