Bolo na laranja monstro – #cozinhadebruxa

Bolo na laranja, mas em formato de monstrinho! Essa receita é das mais fáceis e adaptáveis, e dá um resultado lindo pras festas de outubro. Agora é só escolher o sabor!
bolo na laranja monstro

Isso porque pra essa brincadeira qualquer bolo serve, desde que o sabor combine com laranja. É que por ser assado dentro da fruta o bolo acaba beeem aromatizado. Chocolate? Ótimo! Coco? Maravilha! Baunilha? Esse vai bem com tudo! Escolhido o sabor, prefira uma receita que não cresça muito. Sabe aquele bolo que você acha que vai virar um bolão mas decepciona? Esse é o certo pra essa experiência! É que fica legal o bolo levantando a tampa do monstro, mas se crescer demais acaba desperdiçando massa…

Desperdiçando mesmo não porque a gente come o que sobrar né… Mas deu pra entender, certo?

Se o bolo escolhido não tiver a cor mais monstruosa do mundo é só usar o corante. Eu sempre recomendo gel ou em pó pra não alterar muito a textura, mas não é uma exigência muito forte. Tô falando que essa receita de bolo na laranja é adaptável…

Últimas dicas? Eu prefiro a laranja Bahia por conta da cor da casca (parece uma abóbora né?) e pelo formato dela. Quando murcha no forno ela fica parecendo ainda mais a cabeça de um monstrinho… Mas no fundo, no fundo, qualquer uma serve! E lembra e encaixar bem a tampa de cada laranja que é pra ninguém perder parte da cabeça no processo!

Bolo na laranja monstro

1 receita do seu bolo favorito
corante – opcional
laranjas
papel alumínio
caneta e/ou faca

Com a faca corte a laranja cuidando para cortar no topo, e não no meio. E com uma colher cave a polpa da fruta até deixar só a casca. Faça isso delicadamente para não romper a casca, e lembre que quanto mais casca você conseguir deixar mais firme seu monstrinho fica… E mais forte o sabor de laranja também!

Se quiser tingir o bolo de uma cor específica adicione o corante na massa já pronta e misture rapidamente. Preencha cada laranja até cerca de 3/4 da parte maior. Tampe cada uma, tomando cuidado pra tampa encaixar direitinho. E enrole todas em papel alumínio se quiser que a fruta mantenha a cor original. Ou ignore o papel alumínio se não se importar com isso. Leve ao forno, bem quente, por cerca de 30min (ou) até que o bolo asse. A massa provavelmente vai transbordar, mas isso é melhor que deixar a laranja murcha, sem recheio. Depois de retiradas do forno, esperem que esfriem um pouco para retirar o excesso de bolo.

Agora é só usar uma caneta marcadora de CDs para desenhar as carinhas. Ou cavar cada careta com uma faca, como se faz com abóboras!

Pra mais receitas de Halloween é só procurar nossa tag #cozinhadebruxa nas redes sociais!

Salvar

Bolo de chocolate com cobertura, aka poke cake

Bolo de chocolate com cobertura, servido na travessa que é pra facilitar a vida. E ainda tem truque fácil pra multiplicar a deliciosidade!
bolo de chocolate com cobertura

Já ouviu falar em poke cake? É um tipo de bolo comum nos States da vida, e em outros países de língua inglesa. A grande diferença? Você fura o bolo, já assado, antes de colocar a cobertura! Daí que vem o nome poke cake: poke quer dizer cutucar, e é exatamente isso que você faz pra furar o bolo. A ideia é fazer furos bem grandes, como com o cabo de uma colher de pau, para que fiquem preenchidos com a cobertura. Entendeu a delícia? E dá pra fazer com várias combinações de sabores.

Inclusive, aqui já apareceu um bolo de cenoura com falso pudim de chocolate que é um poke cake!

Hoje a combinação é a mais simples de todas: chocolate com chocolate. Pro bolo escolhi a receia base da casa: o bolo de chocolate da minha mãe. A única diferença é que usei leite no lugar da água quente. Isso dá um pouco mais de sustância pro bolo. E a cobertura foi inspirada no recheio da torta de leite. Amei a textura daquele creme! Então só adaptei a receita pro sabor chocolate. Fica a dica caso você queira uma torta de chocolate.
bolo de chocolate com cobertura

Bolo de chocolate com cobertura

Bolo
1 xícara de açúcar
1 xícara de chocolate em pó
2 xícaras de farinha de trigo
1/2 colher sopa de fermento em pó
2 ovos
1/4 xícara de óleo
1 xícara de leite

Misture todos os ingredientes secos. Adicione os ovos e o óleo e misture até ficar parecendo uma farofa. Então junte o leite e misture até a massa ficar homogênea. Transfira para um refratário untado e leve ao forno, a 200C, até que asse completamente.

Cobertura
2 xícaras de leite
25g de manteiga sem sal
1 1/2 colher sopa de amido de milho
1/2 xícara de açúcar
2 ovos
4 colheres sopa de chocolate em pó

Misture todos os ingredientes e leve ao fogo médio até engrossar.

Montagem
Com o cabo de uma colher de pau (ou algo semelhante) faça furos em toda a superfície do bolo. Cubra com o creme ainda quente, espalhando bem pra cobrir todo o bolo. Se quiser pode cobrir tudo com granulado ou seu confeito favorito.

—————————–

Em 2014: Bolo Mármore

Bolo de rocambole, aka baunilha e doce de leite

Bolo de rocambole é um bolo montado normalzinho (bolo, recheio bolo) mas seguindo os sabores do tradicional rocambole mineiro: massa de baunilha e recheio de doce de leite. E ainda tem cobertura de chocolate pra finalizar!
bolo de rocambole

Esse foi o bolo de aniversário da cozinheira mor da casa (oi mãe!) e, creio eu, foi escolhido pra aplacar vontade de comer rocambole… Embora o nome sirva pra qualquer bolo assado baixo e enrolado sobre um recheio, por aqui rocambole quer dizer uma receita bem específica: pão de ló simples, enrolado com doce de leite. E pronto. No máximo um doce de leite por cima pra dar uma cobertura. E foi quase isso que eu fiz, só que sem enrolar, então bolo de rocambole!

O bolo não é um pão de ló de verdade porque leva mais do que farinha, açúcar e ovo. Mas chega bem perto, e é uma ótima opção de bolo básico e leve pra combinar com qualquer recheio! A receita abaixo é o suficiente pra 2 formas de 20cm de diâmetro. A que eu tenho é de 21,5 e deu tudo certo. Ficou um pouco mais baixo do que eu gostaria? Ficou, mas não o suficiente pra atrapalhar o equilíbrio do bolo, nem sua beleza. Só não aconselho a assar tudo em uma só e partir o bolo depois. Essa massa tende a esfarelar bem antes de molhada, então é melhor fazer meia receita assar e depois repetir.

O recheio foi a velha (e boa) mistura de doce de leite com creme de leite sem soro, apenas pra tirar o excesso de doçura. Nunca o suficiente pra deixar o doce mole demais. Outra dica? Se o bolo for ficar exposto na mesa da festa acrescente gelatina em pó no recheio. Acho que uma colher de chá pra essa quantidade deve ser o suficiente. Hidrate conforme a embalagem e vá adicionando o creme de leite aos pouquinhos, só depois junto no doce de leite. O recheio vai ficar um pouco menos cremoso do que o original, mas o seu bolo vai durar mais fora da geladeira sem risco de afundar com o calor.

Por último a cobertura que forma uma das minhas combinações favoritas: chocolate e doce de leite. A ganache aqui foi de chocolate ao leite, mas pode ser de qualquer tipo. Se for usar chocolate branco mantenha as proporções abaixo, se for usar chocolate meio amargo precisa de mais creme. Normalmente a proporção 2:1 funciona, isso quer dizer 300g de chocolate pra 150g de creme.

Também acho sempre bom lembrar dois detalhes: não deixe a ganache na geladeira pra agilizar o processo, fica um saco alisar o bolo depois. E vale sim usar creme fresco, caso você tenha por aí, vai ficar um pouco mais cremoso, mas nada absurdamente diferente.
bolo de rocambole

Bolo de rocambole

Bolo – original aqui

6 ovos – clara e gema separadas
1 pitada de sal
1 xícara de açúcar refinado
1 colher chá de baunilha
1 1/2 xícara de farinha de trigo
1 colher chá de fermento em pó

Comece preparando duas formas redondas, com cerca de 20cm de diâmetro: unte as formas, forre com papel manteiga e então unte o papel manteiga.
Bata as claras em neve junto do sal e reserve.
Em outra vasilha bata as gemas com o açúcar e a baunilha até obter um creme bem fofo e claro. Peneire por cima dessa mistura a farinha e o fermento e bata apenas até incorporar. Adicione as claras em neve aos poucos, misturando delicadamente a cada adição. Quando a mistura estiver homogênea divida entre as duas formas e asse em forno já aquecido a 200C. Não precisa esperar dourar, apenas assar completamente. E espere esfriar totalmente antes de desenformar.

*Se tiver apenas uma forma faça metade da massa, asse, espere, desenforme e então faça a outra metade.

Recheio

800g de doce de leite
4 colheres sopa de creme de leite sem soro

Misture os dois e reserve. Se quiser salve 1/2 xícara para enfeitar o bolo depois.

Cobertura

300g de chocolate ao leite
100g de creme de leite sem soro

Derreta o chocolate em banho-maria. Retire do calor, acrescente o creme de leite e misture até conseguir uma mistura homogênea. Guarde em um recipiente com tampa até que firme. Não precisa gelar.

Montagem

1 xícara de água
1 xícara de açúcar

Leve água e açúcar ao fogo apenas até ferver. Deixe esfriar antes.

Se os bolos estiverem muito desnivelados acerte-os deixando os topos mais retos. Molhe bem os bolos com o xarope. Vale molhar o topo, virar o bolo de cabeça pra baixo e molhar o outro lado também. Transfira um bolo para o prato/prancha/base que for usar mantendo o topo pra cima. Cubra com o recheio, deixando o doce de leite o mais nivelado possível e sem deixar transbordar por cima do bolo.

Cubra com o segundo bolo, deixando o topo pra baixo, assim a parte mais reta (fundo) fica pra cima. Aperte ligeiramente, apenas pra assentar tudo, e cubra com papel manteiga (ou acetato) untado. Esse papel eu untei com óleo mesmo, e usei uma fita crepe pra segurar o papel no lugar. Isso vai impedir que o doce escape entre as camadas e seu bolo de rocambole desmorone. Leve para a geladeira por pelo 2 horas, ou de uma dia pro outro.

Misture bem a cobertura e cubra o bolo com ela. Eu gosto de usar uma espátula para espalhar e uma  régua de plástico (exclusiva da cozinha) pra deixar as laterais o mais lisinhas que consigo. Enfeite como preferir e volte pra geladeira bem rapidinho. A ganache vai endurecer e segurar o doce de leite no lugar. Pra quem prefere uma cobertura bem macia, retire o bolo da geladeira 30min antes de servir.
bolo de rocambole

—————————–

Em 2014: Curau de milho

Bolo temperado de rum, e tchau inverno!

Bolo temperado de rum que também pode ser apenas bolo temperado ou só bolo de rum com canela… Ou a variação que você quiser!
bolo temperado de rum

É verdade que o rum faz diferença no sabor? É. É verdade que o álcool evapora no forno e só sobra o sabor da bebida? É. Mas se você não gosta de bebida de jeito nenhum, ou não tá afim de comprar uma garrafa só pra fazer esse bolo, tem solução! Dá pra fazer um bolo só temperado e ignorar a parte do goró na massa. Não vai ficar a mesma coisa mas continuar gostoso. Também dá pra alterar a bebida. Não tem rum vai o que tiver no bar. De novo: o bolo vai sair diferente? Vai, mas vai continuar gostoso e você terá sua versão exclusiva.

E falando em versão exclusiva, o mesmo vale pros temperos! O original é um all spice cake, o que quer dizer não só um punhado de especiarias, como uma que é feita de vários temperos juntos. Não tenho all spice, mas sei do que é feito e dei uma adaptada pra ficar parecido. Quem não tem cravo ou gengibre em pó, pode ferver um pedacinho de cada um no leite e deixar esfriar antes de usar. Não tem ideia de onde arranjar páprica doce? Ignora ela! Seu bolo vai continuar fofinho e perfumado.

O mesmo vale pra quem não é fã de canela. Melhor bolo temperado de rum sem a canela que você sem bolo né?
bolo temperado de rum

Tirando todas essas modificações possíveis, a receita parece enorme mas é bem simples. E o resultado é um bolão! Pra quem tiver na dúvida do tamanho da forma, essa massa cabe com folga em uma forma de 12 xícaras, e é a conta pra uma forma de 10 xícaras. Maior ou menor que isso pode não dar um resultado tão bom.

E pra terminar esse post enorme com duas dicas que são sempre boas de relembrar. Se sua forma de fundo falso não veda muito bem é só forrar por fora com papel alumínio. Tomando cuidado pra não ficar nenhum espaço descoberto, vai ficar tudo bem. E pra quem não tiver memória igual eu, ou resolveu fazer o bolo e só tem manteiga gelada: use o ralador! Rale a manteiga no ralo grosso e bata ela sozinha um pouco antes de acrescentar o açúcar.

Bolo temperado de rum – original aqui

2 1/3 xícaras de farinha de trigo
1 1/4 colher chá de fermento em pó
1 colher chá de bicarbonato de sódio
1 colher chá de sal
1 1/2 colher chá de canela
1 colher chá de gengibre em pó
1/2 colher chá de cravo em pó
1/4 colher chá de noz moscada
1/4 colher chá de páprica doce
100g de manteiga pommade
1 xícara de açúcar mascavo
1/2 xícara de açúcar cristal
2 ovos
2 colheres chá de baunilha
1 1/4 xícara de leite
1 1/2 colher chá de limão – ou vinagre
2 colheres sopa de rum

Misture o leite com o limão e deixe descansando por pelo menos 20min.
Misture todos os ingredientes secos, exceto os açúcares, e reserve.
Bata a manteiga com os açúcares até conseguir um creme fofo. Ainda batendo vá adicionando a mistura seca e o leite azedo, alternando um pouco de cada um de cada vez. Quando tudo estiver misturado e homogêneo, acrescente o rum.
Asse em forno aquecido a 200 e em um forma untada e enfarinhada. Espere esfriar antes de desenformar.
bolo temperado de rum

—————————–
Em 2014: Doce de laranja

Buttercream de chocolate branco

Buttercream de chocolate branco é aquele creme de manteiga, típico da confeitaria americana, mas com o chocolate dando todo um tchan!
bolo com buttercream de chocolate branco

Muita gente não gosta do creme de manteiga por conta do gosto de manteiga que fica na cobertura. Então, não era pra ter esse gosto gente. Se o buttercream ficou com gosto de manteiga ele não foi feito direito. Mas ainda assim, se o seu sempre fica com gosto, então esse buttercream de chocolate branco pode ser a solução. Afinal, o sabor final é chocolate branco (dããã).

Além do sabor, o chocolate contribui pra textura também. Como ele tem bastante gordura (de cacau) contribui pra leveza do creme, mas sem diminuir a maleabilidade. Explico. Esse creme parece a coisa mais frágil do mundo de tão leve; mas na hora que você vai rechear a o bolo, ele sustenta a coisa toda muito bem, sem ficar desmontando. Ótimo pra confeitar!!
bolo com buttercream de chocolate branco

A receita veio de um site gringo e alterei uma coisinha mínima: as medidas lá são em onças e a conversão aqui não fica exata. Mas são diferenças muito pequenas pra alterar a receita. Em medidas comuns aqui (xícara 240ml e gramas) ficou um creme de proporção 1:1:1 – 100g de manteiga, 100g de chocolate, 100g de açúcar. Mas na receita abaixo já deixei o açúcar em xícara pra facilitar. Ainda assim, pra quem quiser fazer grandes quantidades é só manter a proporção. E por falar em grandes quantidades: as medidas da receita abaixo são o suficiente para um bolo de 15cm ricamente recheado e coberto no estilo semi-naked.

Eu misturei os farelos do bolo no creme pra dar esse efeito “flocos”. Se você quiser uma cobertura bem branquinha é só ter cuidado pra não deixar nenhum farelo nela.

Última dica! Com chocolate e manteiga como base, não é surpresa que esse buttercream de chocolate branco fique beeem firme quando gelado. Retire o bolo da geladeira pelo menos 20min antes de servir; fica bem mais gostoso!
bolo com buttercream de chocolate branco

Buttercream de chocolate branco – original aqui

100g de manteiga sem sal bem macia
3/4 xícara de açúcar de confeiteiro
100g de chocolate branco

Derreta o chocolate branco e reserve para ele esfriar um pouco. Enquanto isso bata a manteiga até ela formar um creme fofo. Ainda batendo vá acrescentando o açúcar aos poucos até o creme ficar mais firme e o açúcar dissolver.

Com o creme montado e o chocolate mais pra frio que pra morno bata os dois juntos até que o chocolate incorpore totalmente. A consistência correta é um creme firme mas leve. Em dias muito quentes vale colocar esse creme na geladeira um pouco; mas o ideal é usar assim que ele estiver pronto.

—————————–

Em 2014: Pão com Farinha de Coco
Em 2015: Licor de Mexerica

Bolo de maçã verde pro café da tarde

Bolo de maçã verde, aquele bolo diferente pra fazer bonito na mesa, mas ao mesmo tempo simples pra apenas acompanhar o café.
bolo de maçã verde

A receita original era pra um bolo confeitado, com direito a recheio, cobertura de manteiga de amendoim, enfeites no topo e tudo mais. Mas fiquei bem feliz e ter feito apenas a versão simples: só o bolo e umas fatias de maçã no topo. É que esse é um bolo pesado. Mesmo.Não venha esperando bolinho fofinho com pedacinhos de maçã.

Pra isso você pode experimentar essa receita aqui

Esse é um bolo de maçã verde ralada. Isso quer dizer que a maçã meio que some na massa, contribuindo para um bolo mais substancioso e com uma textura mais uniforme. Eu gosto. Mas acho que recheio e cobertura seriam excessivos. Esse vai bem no combo uma fatia de bolo uma xícara de café…
Tá, e uma colherada de caramelo…
bolo de maçã verde

Pra quem não é fã de canela e/ou noz moscada tá tudo bem, os sabores são bem suaves. Pra quem não gosta mesmo é só não usar. Fica bom também, creio eu….
E sim, vale fazer com outras maçãs também. Como sempre: vai do seu gosto!

Bolo de Maçã Verde – original aqui

1 1/2 xícara de maçã verde ralada
6 colheres sopa de açúcar refinado
1/2 xícara de açúcar mascavo
1/2 colher chá de canela
1/4 colher chá de noz moscada
1/2 xícara de óleo
2 ovos
1 colher chá de essência de baunilha
1 3/4 xícara de farinha de trigo
1 colher chá de bicarbonato de sódio
1/2 colher chá de fermento em pó
1/4 colher chá de sal
1 maçã verde fatiada para enfeitar

Modo de preparo mais fácil do mundo: em uma vasilha vá juntando os ingredientes na ordem descrita e misturando a cada adição. Transfira para uma forma untada e cubra com as fatias de maçã. Leve ao forno, aquecido a 200C, até que espetando um palito ele saia limpo. Espere esfriar antes de desenformar.
bolo de maçã verde

Salvar

Salvar

Bolo surpresa de coco

Bolo surpresa de coco, parece só um bolo normal com uma coberturinha de açúcar e quando você parte: recheio surpresa!
bolo surpresa de coco

Um bolo desse tipo já apareceu por aqui: o bolo surpresa de maracujá. E não sei porque demorei tanto tempo pra fazer outro. Esse tipo de bolo não é tão festivo e pesado quando um bolo completo com várias camadas de recheio e cobertura completa. Mas também não é só um bolo simples sem nenhuma firula.

Se quiser fazer só o bolo de coco dessa receita, sem recheio nem nada também fica uma delícia! Eu só trocaria o coco ralado simples por um adoçado.

E com toda essa versatilidade o bolo surpresa de coco daqui a pouco vai virar bolo surpresa de diversos sabores! Chocolate com coco, coco com abacaxi, só de abacaxi, morango com creme… Vou ter que me segurar pra não ter um novo a cada mês…. Se tiver algum sugestão de combinação de sabores é só deixar nos comentários! Qual o seu favorito?
bolo surpresa de coco

Bolo Surpresa de Coco

Bolo – original aqui

120g de manteiga
1 1/4 xícara de açúcar refinado
1 1/3 xícara de farinha de trigo
3 colheres sopa de amido de milho
1/2 colher chá de fermento
1/2 colher chá de sal
1/2 colher chá de essência de baunilha
3 ovos
200ml de leite de coco
1 xícara de coco ralado

Bata a manteiga com o açúcar até obter um creme claro. Junte os ovos e a baunilha e bata até ficar homogêneo. Junte então o amido, o sal e o fermento e bata novamente.
Adicione a farinha, o leite de coco e o coco, misturando bem entre cada adição. Quando a massa estiver homogênea transfira para uma forma redonda com furo no meio, untada. Asse em forno aquecido a 200° até que doure. Espere esfriar antes de desenformar.

Recheio

1 lata de leite condensado
100ml de leite de coco
100g de coco ralado

Junte todos os ingredientes em uma panela e cozinhe em fogo médio até começar a desgrudar da panela. O ponto não precisa ficar tão apertado quanto o de brigadeiro de enrolar. Transfira para um prato, cubra com filme plástico e deixe esfriar antes de usar.

Cobertura

Leite de coco
Açúcar de confeiteiro
Coco ralado

Misture o açúcar com o leite de coco até dissolver bem. Você pode deixar mais líquido ou mais cremoso conforme o seu gosto. Reserve o coco para decoração.

Montagem

Desenforme o bolo e vire de cabeça pra baixo no prato de servir. Corte o topo e reserve. Cave o miolo do bolo, tomando cuidado pra não furar nem as laterais nem o fundo. Recheie com o creme de coco e tampe novamente. Tenha cuidado de preencher completamente o “túnel” cavado mas sem ultrapassar a altura do bolo. Cubra o bolo com a cobertura e açúcar e finalize com o coco ralado. Deixe na geladeira por pelo menos 2h antes de servir.

Salvar

Salvar

Salvar

Salvar

bolo de laranja de liquidificador, feito com a laranja inteira!

Bolo de laranja de liquidificador com a laranja inteira e eu prometo que não fica nem um pouco amargo!
bolo de laranja de liquidificador

Essa receita é conhecida como o bolo de laranja da minha mãe, mas por aqui vamos colocar como bolo de laranja de liquidificador pra ficar mais didático. Mas continua sendo a receita que a minha mãe faz desde sempre. E isso rola porque o bolo é ótimo!

Sabe aquele bolo fácil, simplérrimo, bom pra acompanhar o café? É esse! O método é o mesmo do bolo de cenoura: bate no liquidificador e depois mistura com a farinha e o fermento. E aqui eu confesso que só não bati tudo porque eu tenho medinho de bater fermento no liquidificador (já teve desastre por aqui). Nem precisei mudar nada na receita, só medi tudo com xícaras e colheres padrão pra deixar acessível pra todo mundo.
bolo de laranja de liquidificador

Só deixo uma dica: a laranja escolhida vai fazer toda a diferença! A melhor, e que a gente usa sempre pra essa receita, é a Laranja Pera. Mas qualquer laranja da casca fina vai servir. O complicado é querer usar uma laranja Bahia por exemplo; como ela tem a casca mais grossa o risco de o bolo ficar amargo surge. Agora, tem quem ame o gostinho amargo, daí ela é uma ótima ideia!

Bolo de laranja de liquidificador

1 laranja  de casca fina
1 xícara de açúcar
2 ovos
3/4 xícara de óleo
1 colher sopa de fermento em pó
2 xícaras de farinha de trigo

Lave bem a laranja e corte as pontas, sem atingir a parte da polpa. Corte a fruta em 4 partes e retire sementes e o miolo branco. Corte os 4 pedaços em cubos menores caso seu liquidificador não seja dos mais potentes.
Junte no liquidificador a laranja cortada, os ovo, o óleo e o açúcar, e bata até obter uma mistura homogênea.
Em uma tigela misture a farinha e o fermento e junte a mistura do liquidificador. Misture apenas até todos os ingredientes estarem incorporados na massa. Transfira para uma forma untada e leve ao forno, aquecido a 200°, até que doure.

Salvar

Salvar

Salvar

(Mini) Mega Bolo de chocolate – Especial Páscoa

Um mega bolo de chocolate, só porque é um bolo todo de chocolate, com recheio de chocolate, com decorações de chocolate…
mini mega bolo de chocolate

Quer melhor época pra fazer um bolo de chocolate que seja todo de chocolate? Não é buttercream com chocolate, não é brigadeiro, não é creme de chocolate. O máximo que aceitei foi a ganache, que é um creme com mais chocolate que tudo. E os suspiros, meu novo xodó!

Esses suspirinhos foram criação de última hora e ficaram uma delícia! Além de serem uma receita por si só: é só fazer um pouco maior e pronto, sobremesa simples feita.
Além deles também teve ovinhos e placas de chocolate pra decorar o que, de outra forma, poderia ser um bolo simples. Porque sim, se você quiser esse bolo pode ser um bolo de chocolate simples, no lugar de um mini mega bolo de chocolate.
mini mega bolo de chocolate

Mini mega bolo? É! Ele segue a ideia dos mega bolos com mais camadas, ou seja mais alto, e com decorações mirabolantes. Mas tem apenas 13cm de diâmetro! Ótima opção pra famílias pequenas né? E se a sua família for grandona é só dobrar a receita e pronto!

(Mini) Mega Bolo de Chocolate

Bolo – original aqui

2 xícaras de farinha de trigo
1 xícara de açúcar*
2 xícaras de chocolate em pó 50%*
2 colheres chá de bicarbonato de sódio
1 1/3 colher chá de fermento em pó
1 1/3 colher chá de sal
2 ovos grandões
1/3 xícara de óleo
1 xícara de leite
1 colher sopa de limão
4 colheres sopa de kahlua – receita aqui
3/4 xícara de água quente

*Inverta as medidas se for usar cacau puro, usando 2 xícaras de açúcar e 1 xícara e cacau.

Misture o leite e o limão e deixe descansar por 20min.
Unte 4 formas* redondas de 13cm e forre o fundo com papel manteiga e unte o papel também. Se as formas forem de fundo falso vai ser bem mais fácil. Ligue o forno a 180° para ir aquecendo.
Misture os ingredientes secos em uma vasilha e os molhados em outra. Junte ambos e misture apenas o suficiente para ficar homogêneo. Transfira a massa para as 3 formas e leve ao forno até que assem completamente.
Espere esfriar antes de desenformar.

*Você também pode fazer apenas dois bolos alto e depois corta-los no meio.

Recheio e Cobertura

600g de chocolate meio amargo
395g de creme de leite – uma lata com soro

Pique o chocolate em pedaços pequenos e leve ao banho maria para derreter. Junte o creme de leite e misture até ficar homogêneo. Tampe e deixe esfriar fora da geladeira. Dá pra fazer no dia anterior se quiser.
Logo antes de usar bata com uma batedeira até ficar mais claro e aerado.
mini mega bolo de chocolate

Suspiros de chocolate

1 clara
1 pitada de sal
1/2 colher sopa de cacau em pó
1 colher sopa de açúcar refinado

Bata as claras com o sal até obter picos suaves. Acrescente o açúcar e o cacau e bata até obter picos firmes. Com um saco de confeiteiro e um bico pitanga pequeno faça mini suspiros em uma forma com papel manteiga. Asse em forno baixíssimo* até que os suspiros sequem. Deixe esfriar no forno.

*Se seu forno não fica a menos que 180° asse com a porta entreaberta até que sequem, então desligue o forno e feche a porta até que esfrie.

Decorações de chocolate

chocolate meio amargo temperado
chocolate branco temperado
corante em gel

Tinja o chocolate branco da cor escolhida e coloque em um saco de confeiteiro (ou sacola com quina cortada); faça riscos de chocolate sobre uma folha de papel manteiga. Depois que secar cubra com o chocolate meio amargo formando uma placa.
Use o chocolate restante para preencher formas de mini ovos ou o formato escolhido.
mini mega bolo de chocolate

Montagem do seu (mini) mega bolo de chocolate

Corte os topos dos bolos, deixando todos retos e transfira um para uma bailarina ou a superfície onde você for trabalhar. Cubra com um pouco de ganache e outra camada de bolo. Repita, repita, repita. Se os bolos ficaram um pouco tortos, aproveite a ganache para acertar isso e conseguir um resultado mais reto no final.

Cubra as laterais e o topo do bolo com a ganache, mas deixe um pouco (1/4 de xícara mais ou menos) para finalizar o acabamento depois. Eu gosto de usar uma régua de plástico, dessas de escola, para deixar o bolo o mais reto possível. É só separar uma apenas para a cozinha e higienizar bem antes de começar a usar.

Com o bolo todo coberto, leve para a geladeira e espere pelo menos umas 2h para que a ganache endureça um pouco. Passado esse tempo, aqueça levemente a ganache que você separou e use para acertar possíveis falhas nas laterais, quina e topo do bolo. Transfira para o prato em que for servir, se já não estiver nele, e só falta decorar! Eu usei os mini suspiros para dar acabamento na parte de baixo; quebrei a placa de chocolate para fazer o topo, e finalizei com mini-ovinhos e mais alguns suspiros. O arco verde é parte o chocolate colorido que não foi coberto quando fiz a placa.

——————————
Em 2015: Chá caramelado

Salvar

Salvar

Salvar

Salvar

Bolo crepe prestígio, e vai ter mais sabores viu…

Bolo crepe é isso aí né: um monte de crepe empilhado com recheio entre eles, formando um bolo. E nem precisa mais nada pra ficar gostoso! Mas ainda tem uma coberturinha porque eu não tenho juízo….
bolo crepe prestígio

Eles ficaram na moda algum tempo atrás, mas acabou que eu nunca tinha experimentado o tal bolo crepe. Principalmente porque a maioria das receitas que eu tinha visto eram com buttercream, recheio que não faz muito sucesso aqui em casa. Então estava eu pensando qual recheio usar pra esse tipo de bolo quando me aparece uma foto de um beijinho (deve ter sido no Pinterest…)

Pronto, problema resolvido: bolo crepe recheado com beijinho. E pra ficar mais bonito com massa de chocolate que aí já vira um bolo crepe prestígio!
bolo crepe prestígio

A receita da massa veio de uns crepes smores gringos e tudo que eu fiz foi dobrar a receita pra render um bolo de altura decente. Aliás, a ideia dos crepes smores é bem boa: recheia com marshmallows derretidos, biscoitos quebrados e pedaços de chocolate. Não tem como não ficar bom.

Uma dica: não use receita de massa de panqueca. Ela não tem a elasticidade necessária pra fazer os discos tão fininhos quanto os crepes.

Ainda nos crepes: a quantidade deles varia de acordo com o tamanho que você fizer. Os meus tem cerca de 15cm e a massa rendeu uns 25, mais ou menos. O suficiente pra usar todo o recheio e ainda sobrarem uns 4 discos. Falando em recheio: é o beijinho clássico; tudo que eu fiz foi acrescentar creme de leite pra enriquecer e diminuir a doçura. A cobertura foi improvisada, e meu conselho mor é: guarde essa receita de cobertura! Ela é mega simples, com dois ingredientes só, fica uma delícia e serve pra um mundo de receitas!
bolo crepe prestígio

Bolo crepe de prestígio

Recheio

1 lata de leite condensado
100g de coco ralado fino- usei não adoçado
25g de manteiga
1/2 caixinha de creme de leite – 100g

Misture todos os ingredientes e leve ao fogo médio, mexendo sempre, até atingir o ponto de brigadeiro. Não precisa atingir o ponto de enrolar pra não ficar difícil de montar o bolo, só não pode ficar muito mole. Transfira o doce para um prato e cubra com filme plástico. Deixe esfriar mas não leve para a geladeira para não ficar muito duro.

Crepes – original aqui

1 1/2 xícara de farinha de trigo
1 1/2 xícara de leite
8 colheres sopa de chocolate em pó 50%*
4 colheres sopa de açúcar*
2 colheres sopa de essência de baunilha
4 ovos

*se preferir usar cacau puro ajuste as medidas para 4 colheres sopa de cacau e 8 colheres sopa de açúcar

Bata os ovos até espumarem. Adicione o leite e a baunilha e bata novamente. Junte todos os ingredientes secos e misture delicadamente até que sejam totalmente incorporados. Cubra a massa com um filme plástico e leve a geladeira por pelo menos 30min.
Esquente uma frigideira, de preferência antiaderente, e unte com manteiga. Derrame uma pequena porção de massa na frigideira e espalhe bem; a intenção é fazer uma camada bem fina de massa. Deixe cerca de 1 minuto até que a parte de cima não esteja mais líquida e então, com cuidado, vire e deixe até dourar o outro lado. Repita até acabar a massa.

Cobertura

50g de chocolate – seu favorito
50ml de leite

Misture os dois e leve ao fogo baixo até que o chocolate derreta e forme um creme. Use imediatamente.

Montagem

Basicamente é só empilhar crepes e recheio alternadamente até um deles acabar, terminando com um crepe. Espalhe a cobertura sobre esse último crepe e finalize com algumas raspas de chocolate ou seu confeito preferido.

Dicas: faça camadas finas de recheio. Vai parecer pouco, mas como são muitas camadas no final fica bem equilibrado. Falando em equilíbrio, dependendo dos crepes algumas camadas podem ficar meio tortas. Um jeito de arrumar é partindo um crepe e colocando uma camada a mais no lado mais baixo. Vide a foto abaixo.
bolo crepe prestígio

Salvar

Salvar

Salvar

Salvar